DAS TRIPAS

Eu vou partir seu coração.
Isso não é uma promessa, é uma questão de tempo.
⠀⠀
Você vai se decepcionar comigo e eu com você.
⠀⠀
"Esperava mais de ti". "Não esperava isso vindo de você". "Esperava que você fosse diferente".
Vê, o problema já começa na sintaxe. Nós esperamos demais.
Mas a culpa não é de toda nossa, a língua, essa "bem dita", não nos deixa fugir do verbo.
Esperar tem sua regência. Podemos mudar nosso objeto de expectativa, contudo.
⠀⠀
Espere minha glória.
Espere meu fracasso.
Espere minha inveja.
Esperarei o mesmo de ti.
⠀⠀
Não estou sendo pessimista, mas pós-moderno. Não vamos nos enganar: somos mesquinhos.
Augusto do Anjos já profetizava que o beijo precede o escarro.
⠀⠀
É inevitável.
⠀⠀
Não precisa ficar triste, já estamos inconsoláveis. Eu vou lamentar não por você partir meu coração, mas por você achar que eu não partirei o seu.
⠀⠀
Eu vou partir seu coração e você partirá o meu. Vida que segue.
Usamos as tripas, meu amor.